Passatempo "Conquista o Teu Amor" - Resultado

By : Vera Neves
Bom dia, bom dia pessoal!

Sei que levei um pouquinho de tempo a publicar os resultados do passatempo em parceria com a Presença, mas andei assim um pouco atarantada com a organização da primeira Troca de Natal no Grupo do Sinfonia dos Livros, no Facebook!

Sendo assim, aqui vamos ao anúncio da vencedora (sim, foi mais uma menina que venceu este passatempo)...


A vencedora deste livro é:

Nome Completo: Elisabete Cristiana da Fonte Martins
Nome de Seguidora: Elisabete C.F. Martins
Localidade: Vila Real
Email: elisabete1(...)5@hotmail.com

Muitos parabéns à vencedora!

Receberás um email a pedir a tua morada a fim de podermos proceder ao envio do teu livrinho!

Boas Leituras!

Em relação aos restantes participantes... não percam a fé.. a próxima vez pode ser a vossa!

Príncipe da Máfia: Uma História Real de Sangue, Violência, Poder e Traição

By : Vera Neves
«Uma história fascinante de dinheiro sujo e assassínio, por alguém que esteve lá.» 
Nicholas Pileggi, escritor e argumentista de Tudo Bons Rapazes e Casino

DINHEIRO. PODER. ASSASSÍNIOS. SEM ESCRÚPULOS

(Vogais I 416 pp + 8 ilustradas I 19,99€)

Já à venda em todo o país, é a história real e sangrenta da ascensão e queda de um dos mais implacáveis impérios mafiosos da história americana. No seu epicentro, dois homens: Nicodemo Scarfo e o seu sobrinho Philip Leonetti. «Little Nicky» e «Crazy Phil». O chefe e o subchefe. O rei e o príncipe.

Com mais de duas dúzias de assassínios a pontuarem o seu reinado de terror, Scarfo e Leonetti foram dois dos mais influentes criminosos do século XX. Eram intocáveis, ou assim pareciam. 

Após ser preso e condenado por homicídio e extorsão, Leonetti decidiu quebrar o código de silêncio da Máfia e colaborar com as autoridades num dos processos mais famosos contra o crime organizado. Os seus testemunhos ajudariam a condenar o seu próprio tio e dezenas de outros mafiosos, incluindo chefes poderosos como John Gotti ou Vincent Gigante.

Príncipe da Máfia é a história contada pelo próprio Leonetti, que vive há duas décadas com uma nova identidade, ao abrigo do Programa de Proteção de Testemunhas dos EUA. Se fosse um filme de Hollywood, seria uma mistura de O Padrinho e Tudo Bons Rapazes, com pinceladas de Casino, Donnie Brasco e Os Sopranos. Mas isto não é um filme. Isto aconteceu mesmo. Isto é a realidade.

A Vogais disponibiliza os primeiros capítulos para leitura imediata, aqui.


OS AUTORES 

Philip Leonetti ou «Crazy Phil», tornou-se, aos 31 anos, o mais jovem subchefe da história da Máfia americana. Em conjunto com o seu tio e chefe, «Little Nicky» Scarfo, liderou a organização em Filadélfia entre 1981 e 1991, um dos períodos mais violentos do crime organizado. Viria a ser preso e condenado por homicídio e extorsão, mas decidiu colaborar com as autoridades em testemunhos fundamentais para a condenação de algumas das mais influentes figuras da Máfia nos EUA. Vive há duas décadas sob nova identidade, ao abrigo do Programa de Proteção de Testemunhas norte-americano. 

Scott M. Burnstein é escritor de não-ficção especializado no mundo do crime e repórter do Oakland Press, junto de Detroit. Em 2007, escreveu o bestseller Motor City Mafia: A Century of Organized Crime in the City of Detroit, e em 2010 publicou Family Affair: Greed, Treachery and Betrayal in the Chicago Mafia. Teve diversas intervenções televisivas como especialista em crime organizado, incluindo a série Gangland, no Canal História. Em 2009, produziu e escreveu o documentário Detroit Mob Confidential.

Christopher Graziano é historiador, especializado na Máfia norte-americana.


Lançamento "A Fórmula da Saudade" de Daniel Oliveira.

By : Vera Neves
27 de Outubro 

Podemos fugir dos outros, mas não de nós mesmos

Uma história inspirada em factos reais, com vários elementos autobiográficos ao longo de todo o livro.
A conhecida apresentadora de televisão Camila Vaz vê-se obrigada a fugir de Portugal para atenuar o escândalo provocado pelo lançamento do livro A Persistência da Memória. Quando finalmente decide reaparecer em público, recebe um jornalista num hotel do Rio de Janeiro, no último dia do ano - e rapidamente o encontro se torna um espaço de confissão e sedução, despertando sentimentos e memórias de ambos há muito perdidos no tempo. 
A conversa entre os dois trará à superfície a paixão e o ciúme, a inocência e a perversão, a fé e o sexo, levando a que o entrevistador recorde a bela história de amor que lhe corre no sangue - a dos seus avós, Zulmira e Joaquim, que se conhecem na Lisboa dos anos 1950, até que o jovem oficial é enviado para as colónias portuguesas na Índia, onde a tensão social fará com que a sua missão termine em tragédia. O que sucede depois de acontecer o pior? Será possível condensar a saudade numa fórmula universal que descodifique o amor, a morte, a vida? E como é que uma conversa entre um homem e uma mulher se pode tornar uma viagem ao íntimo da alma humana?

Daniel Oliveira nasceu em 1981. Apresenta, desde 2009, o programa «Alta Definição», na SIC, estação onde assumiu em 2011 as funções de subdiretor de gestão e desenvolvimento de conteúdos. Atualmente director da SIC Caras, é autor, entre outros, do programa de entretenimento mais premiado internacionalmente na história da televisão portuguesa – «Os Incríveis».
Aos 14 anos, sagrou-se campeão nacional de xadrez. Tem sete livros publicados. Depois de A Persistência da Memória, lançado em 2013, A Fórmula da Saudade é o seu segundo romance.

Grupo Leya, LeYaOnline

Opinião "Conquista o Teu Amor" de J.C. Reed

By : Vera Neves
A cada dia que passa, Brooke Stewart chega à conclusão de que esquecer é difícil… e perdoar é ainda mais. Depois de o homem em quem confiava a ter traído, a única coisa a fazer é seguir em frente e começar uma vida nova. Até que Brooke o reencontra – o irresistível Jett Mayfield. O homem que jogou sujo. O homem que a manipulou. Jett sabe que cometeu erros. Podia ter qualquer mulher, mas ele só quer Brooke. Quando alguns segredos do passado vêm ao de cima e a ameaçam, não há nada capaz de impedir Jett de a proteger. Brooke aceita a sua ajuda, mas será ela a ditar as regras do jogo. Não tenciona perdoar-lhe – e muito menos deixá-lo voltar para os seus braços…

*Pode Conter Spoilers*

Começo esta opinião agradecendo à Presença que tão gentilmente cedeu este livro para leitura e opinião.

Tenho de admitir que a leitura deste segundo volume da série, provocou em mim sentimentos contraditórios. Isso porquê? Primeiro porque estava à espera que sendo um segundo livro de uma série fosse um pouco mais "profundo" se é que me faço entender. Em relação ao primeiro achei que pouco ou nada mudou a não ser o facto de Jett ter contado a Brooke a razão pela qual havia escondido a verdade dela. Tem acção? Tem. Tem humor? Tem, quanto mais não seja pela Sylvie que é um autêntico "prato" de boas tiradas e malícia. Quanto a Brooke.... bem.... pensava que ela seria uma personagem mais forte e menos maleável. Acho que ela baixou as defesas demasiadamente depressa. Além disso, o facto da narração ser feita por ela, acaba por tornar-se um pouco cansativa porque é tipo "eu assim...", "eu...", "eu...". Acho algo estranho alguém falar de si próprio como ela o faz. Falar em atributos pessoais e assim. To awkard for me! 
Em relação a Jett, que posso eu dizer? Acho-o um fofo, mas é perfeito demais para ser real. É atencioso, amoroso, sexy e lindo de morrer. Acham mesmo que existem homens assim?! É que o homem, pelos vistos, não tem defeitos, a não ser o facto de ter um ego do tamanho do planeta. A meu ver, acho que Brooke precisa de crescer e amadurecer. Deixa-se levar demasiadamente pelo que tem abaixo da cintura e muito pouco pelo que tem em cima dos ombros. É que aqui nem é  facto de ela dar primazia ao coração em detrimento da lógica/razão. Ela simplesmente não consegue pensar em mais nada que não em sexo quando está com ele. Tenho de ser sincera e dizer que gostei mais do primeiro do que este, exactamente pelo facto de estar à espera que este fosse mais maduro e mais "sério". De qualquer modo, a quem já leu o primeiro recomendo a leitura deste, pois alguns mistérios são revelados.


Novidade Topseller - "Um, Dó, Li, Tá" de M.J. Arlidge

By : Vera Neves
1ª Edição: Outubro de 2014
Edição actual:
Páginas: 336
Apresentação: Capa mole
Dimensões: 150 x 230 x 17 mm


«M. J. Arlidge vai ser tão grande como Jo Nesbø.» 
Judy Finnigan, apresentadora britânica de televisão

«M. J. Arlidge criou uma heroína genuinamente nova… não nos poupa a nenhum dos detalhes mais sombrios, tecendo-os numa teia que arrepia o leitor até aos ossos.» 
Daily Mail

«Com uma orquestração majestosa e uma tensão brutal e cinematográfica, o romance de estreia de M. J. Arlidge agarra o leitor da primeira à última página.» 
Crimetime

«Esta estreia tensa de ritmo alucinante é verdadeiramente excelente.» 
The Sun

«Espantoso.»
Richard Madeley, apresentador britânico de televisão.


UM, DÓ, LI, TÁ

DOIS REFÉNS. UMA BALA. UMA DECISÃO TERRÍVEL. SACRIFICARIA A SUA VIDA PELA DE OUTRA PESSOA?

Uma jovem rapariga surge dos bosques após sobreviver a um rapto aterrador. Cada mórbido pormenor da sua história é verdadeiro, apesar de incrível. Dias mais tarde é descoberta outra vítima que sobreviveu a um rapto semelhante.

As investigações conduzem a um padrão: há alguém a raptar pares de pessoas que depois são encarcerados e confrontados com uma escolha terrível: matar para sobreviver, ou ser morto.

À medida que mais situações vão surgindo, a detetive encarregada deste caso, Helen Grace, percebe que a chave para capturar este monstro imparável está nos sobreviventes. Mas a não ser que descubra rapidamente o assassino, mais inocentes irão morrer?

Um jogo perigoso e mortal num romance de estreia arrebatador e de arrasar os nervos, que lembra filmes como Saw, Enigma Mortal e A Conspiração da Aranha.

Mais Informação Aqui


M. J. Arlidge trabalha em televisão há 15 anos, tendo-se especializado em produções dramáticas de alta qualidade. Nos últimos 5 anos produziu um grande número de séries criminais passadas em horário nobre no Reino Unido. Encontra-se presentemente a escrever uma série policial para a BBC, além de estar a criar novas séries para canais de televisão britânicos e americanos.

O seu romance de estreia Um, Dó, Li, Tá tem estado a receber críticas excelentes de todos os meios de comunicação social internacionais. Sendo uma forte aposta, a Penguin assinou contrato com o autor pelo menos até o 5.º volume. 

- Copyright © Sinfonia dos Livros - Date A Live - Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan -